portalpatos
publicidade
segunda-feira, 26 de agosto de 2019
POLICIA - 24/05/2019

Dupla é detida suspeita de tentar aliciar adolescente para praticar ataque em escola da Paraíba


Um jovem e um adolescente foram detidos na noite da quinta-feira (23) suspeitos de tentar recrutar um adolescente para praticar um ataque em uma escola de Campina Grande-PB. De acordo com a Polícia Militar, após se recusar a participar da ação criminosa, a vítima foi ameaçada de morte pela dupla.

Segundo a polícia, após ser ameaçado, o adolescente de 16 anos acionou a PM. Ele contou à polícia que a dupla, um jovem de 19 anos e um adolescente de 15, estudam em uma mesma escola da cidade e planejavam cometer o ataque na instituição. Os dois suspeitos foram detidos no bairro Bodocongó III.

“A dupla chamou a vítima para participar de uma ação criminosa em uma escola, provavelmente com emprego de arma de fogo, mas o jovem se recusou e foi ameaçado. O adolescente denunciou à PM, e nas diligências localizamos o menor e o adulto autor da ameaça”, relatou o sargento David Venceslau, da Companhia de Choque do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

Celulares apreendidos para perícia

Conforme o delegado seccional da Polícia Civil, Pedro Ivo, responsável pelo caso, os celulares da dupla detida e da vítima foram apreendidos e serão encaminhados à perícia. “Nós já tivemos acesso às mensagens e aos áudios com as ameaças, que comprovam o depoimento da vítima. Agora vamos investigar até que ponto tudo isso tem procedência e se essas pessoas tem relação com aquelas mensagens publicadas na ‘Deep Web’ que estão circulando nas redes sociais”.

De acordo com Pedro Ivo, um dos jovens detidos teria acesso à “Deep Web”. “Nesta sexta-feira, a polícia já está tomando outras medidas para investigar tudo isso, com o objetivo de tentar acabar com esse clima de pânico que foi plantando na cidade, porque a intenção dessas pessoas é justamente isso”, frisou.

Ainda segundo o delegado, “não é possível afirmar que esses casos registrados na cidade não têm risco de acontecer, mas a maior parte tem objetivo de causar esse pânico. Já tivemos casos anteriores em que a polícia instaurou e apurou, e ao final chegou a conclusão que não havia perigo algum”, salientou.

Os dois suspeitos foram encaminhados para a Central de Flagrantes de Campina Grande. Na manhã desta sexta-feira (24), o delegado informou que a dupla foi ouvida e liberada, mas que o jovem de 19 anos foi autuado pelo crime de ameaça, mediante um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). A Polícia Civil investiga a participação deles em outros crimes na cidade.

Portalpatos

Fonte: G1/PB

portalpatos

Leia Também

Comentários