1/11/2022
Vitória de Lula: sertanejos apoiadores de Bolsonaro ficam em silêncio Vitória de Lula: sertanejos apoiadores de Bolsonaro ficam em silêncio
62797

LUCAS BRÊDA SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Os cantores sertanejos que declararam apoio a Jair Bolsonaro, do Partido Liberal, não se manifestaram após a derrota do atual presidente nas urnas, no último domingo (2).

A postura dos artistas segue a do próprio Bolsonaro, que também não havia falado sobre o pleito até a tarde desta segunda (31).

Nomes como Gusttavo Lima, Leonardo, Zezé Di Camargo e Chitãozinho, que se reuniram com Bolsonaro no Palácio da Alvorada para declarar apoio, seguem em silêncio sobre a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva, do Partido dos Trabalhadores (PT). Lima e Leonardo até publicaram imagens suas nas urnas, durante a votação, mas nada sobre o resultado.

Chitãozinho até chegou a compartilhar uma mensagem no Instagram, mas apenas desejando uma boa semana a seus seguidores. “O artista vai onde o povo está”, escreveu a dupla de Xororó

Quem falou foi o cantor sertanejo Zé Neto, da dupla com Cristiano. Este ano, ele foi um dos personagens centrais do que ficou conhecido como “CPI do sertanejo”, em que o Ministério Público questionou o pagamento de altos cachês a artistas sertanejos por prefeituras de cidades com poucos milhares de habitantes.

As investigações ganharam corpo depois de o cantor criticar uma tatuagem íntima de Anitta e dizer que não precisa da Lei Rouanet.

No Instagram, ele falou sobre o resultado da eleição. “Sei que tem muita gente triste. Eu também não estou dos mais felizes, porque infelizmente o presidente que a gente apoiava e que a gente acreditava que seria o melhor para o Brasil perdeu”, disse Zé Neto.

“E o Lula, mais uma vez, tá aí de novo. Agora, não adianta a gente chorar, porque vivemos num país democrático. Então vamos respeitar a democracia, rezar pra Deus olhar por nós. Tomara que o Lula faça um bom governo, que não faça como fez nos mandatos anteriores.”

Fora do campo sertanejo, outro apoiador de Bolsonaro que se manifestou foi o cantor Latino, que publicou imagens de cunho religioso, citou passagens da Bíblia e criticou o presidente eleito. “Assistindo ao Lula na TV é como assistir a um déjà-vu do fracasso. Que Deus tenha piedade dos desinformados.”

Entre os roqueiros, foi Roger Moreira, vocalista do Ultraje a Rigor, quem mais falou sobre a eleição. Ele fez ou compartilhou dezenas de postagens no Twitter, incluindo algumas em que questiona a idoneidade do próprio pleito.

“Pô, as pessoas não se lembram de apenas seis anos atrás, a luta que foi para tirar o PT do poder e colocar o nine [como o cantor se refere a Lula] na cadeia?”, ele escreveu. “O país inteiro saindo às ruas? Pra entregar de mão beijada, numa eleição cheia de irregularidades? Tem gente que não aprende nunca. Esse país não tem jeito.”

Portalpatos

Fonte: Folhapress

Equipe Portalpatos
mario
  • Mário Frade
  • Jornalista

mauricio
  • Mauricio
  • Full-Stack
  • Designer Gráfico
  • Técnico de Contabilidade
  • Técnico de Informática
  • Desenvolvedor Multi-Plataforma Android / IOS
  • Master Power BI T-SQL
  • MySQL | SQLServe | NoSQL | PostgreSQL
  • Designer Gráfico
  • Editor Gráfico